A capital da truculência [2]


Um dos pares de painéis poéticos construídos pelo artista plástico Henrique Gougon, que foram instalados há quatro anos em paradas de ônibus da Asa Sul. Dois seis pares, cinco foram destruídos a marretadas por funcionários da Administração de Brasília. Na foto, poemas de Nicolas Behr.

(Leia postagem anterior e seguinte)
Postar um comentário