BRASÍLIA, 51 ANOS [2]

Tratores destroem o gramado da Esplanada...
...para montar um gramado artificial.
Os gramados da Esplanada dos Ministérios serão palco, no final de maio, de um evento internacional de motocross. A Esplanada é tombada pelo Patrimônio Histórico Nacional e é considerada área intocável, em função do título de Patrimônio da Humanidade concedido pela Unesco a Brasília. Mas o governo do DF ignora isso.
 

Para as comemorações do aniversário da cidade, em 21 de abril, cobriram toda a extensão da Esplanada com circos, palcos, arquibancadas, barracos e até campos de futebol. Provavelmente vão desmontar tudo isso em seguida, deixando os gramados destruídos. Mas será por pouco tempo.

O governo do DF trará para Brasília, no final de maio, o Red Bull X-Fighter, evento internacional de motocross. A empresa Red Bull vai montar uma grande estrutura nos gramados da Esplanada. Se a Esplanada é tombada, a Red Bull não tem nada com isso.
 

Quem anuncia o evento é o secretário de Turismo do DF, Luiz Otávio Neves. Em entrevista à revista Roteiro Brasília, ele anuncia "um show de motocross, de piruetas de motos, iluminação, fogos, um grande espetáculo". Para se ter idéia da qualidade dos secretários que assumiram o "novo" governo do DF.

3 comentários:

Clarinha disse...

Aff, que tristeza!

João Neto disse...

Boa Alexandre, espero que a Chimay tenha estado excelente e que você possa ter aproveitado muito bem. Grande abraço. O que fazem na Esplanada e com a Esplanada é deplorável...dinheiro desperdiçado.

João Neto disse...

Grande Alexandre, acabo de ler no "Sítio do Marino" suas narrativas sobre Bagdá. Não fazia idéia que você tinha estado lá. Muito bom o texto e ao mesmo tempo esclarecedor. Iraque nos anos 80 ainda era um país. Babilônia e tudo mais. Quando estava em Brasília e via o abandono que a embaixada dele estava (está) dava uma sensação muito ruim. Seu texto me trouxe a vontade de pensar outra vez em Brasília. Grande abraço.