LIVROS NOVOS PARA COMUNIDADES CARENTES

Uma grande e louvável idéia do escritor Wilson Rossato: um projeto de inclusão cultural, com o objetivo de valorizar o livro e a leitura em comunidades carentes do Distrito Federal. O personagem principal do projeto é seu livro O DJ e as Armas Proibidas, publicado com o patrocínio do Fundo da Arte e Cultura (FAC), do governo do Distrito Federal. Rossato vai promover lançamentos de seu livro em escolas, entidades, bibliotecas, clubes de serviço e outras instituições de locais desassistidos, como Estrutural, Varjão, Itapoã e também no Centro de Atendimento Juvenil Especializado (Caje), que recolhe adolescentes infratores. Cada exemplar será vendido a R$ 1,00. "Aposto que muitos garotos vão ter, pela primeira vez na vida, um livro novo, saído da gráfica para suas mãos, e não livro usado, de segunda mão. Acho isso importante", comenta Rossato.

O primeiro lançamento do livro será neste sábado, 6 de dezembro, a partir de 10h da manhã, na Casa de Ismael, entidade assistencial sem fins lucrativos que abriga crianças órfãs. Fica na 914 Norte, local de fácil acesso para o público brasiliense que costumeiramente comparece a lançamentos literários. Como o preço do livro é simbólico, Rossato propõe que o comprador pague cinco e leve dois ou três, contribuindo, assim, para a distribuição gratuita de exemplares para os meninos da Casa de Ismael e do Caje. Depois desse lançamento, ele fará uma série de outros em comunidades carentes, até esgotar a edição.

Parabéns ao Rossato, e que seu gesto inspire outras iniciativas semelhantes.
Postar um comentário